Páginas

segunda-feira, 19 de maio de 2014

TORTA DE FRANGO A MINEIRA




Aqui em casa não rola torta com outro recheio. Posso até tentar, mas, não comem como a de frango. Então estou sempre procurando, testando massas diferentes para não ficar na mesmice da massa.

Esta receita tem o sobrenome a mineira porque errei na hora de acrescentar o verdinho. Eu congelo o cheiro verde picado, acabei pegando o saquinho errado e quando percebi lá já tinha ido a mineira (couve), que também pico bem fininha e congelo. É a correria do dia-a-dia não dá tempo para fazer muita coisa e quando compro o couve eu já corto alguns maços e congelo, uso em um refogadinho, numa saladinha (esquento bem o azeite e frito o alho e jogo por cima e tempero) ou mesmo acrescentar em uma sopa, está lá toda cortadinha bem fino. Sabe foi até bom este erro, porque todos acabam ingerindo a couve e nem percebem. Ufa!!!

Muita conversa, vamos para a receita...

Massa
2 xícaras de (chá) de leite
2 ovos
2 xícaras de (chá) de farinha de trigo
1 colher (sopa) fermento em pó
2 colheres (sopa) de queijo parmesão
Coloque no copo do liquidificador os líquidos e bata bem. Ainda batendo junte aos poucos a farinha de trigo e por último o fermento em pó.

Recheio
500 gramas de peito de frango cozido e desfiado - aqui usei o sassami e reserve o caldo do cozimento
1/2 colher (sopa) de tempero de cebola (caseiro) - use cebola picadinha
1/2 colher (sopa) de tempero de alho (caseiro) - use alho amassado
3 colheres (sopa) de azeite ou óleo de milho
1/2 xícara chá de molho de tomate
punhado de palmito a gosto
1/2 caldo de galinha esfarelado
1 pitada de tempero baiano (usei porque é picante)
orégano a gosto
1 colher (sopa) de farinha de trigo diluída em água
2 colheres (sopa) de couve cortadinha a mineira (não vão nem perceber)
3 colheres (sopa) de cheiro verde cortadinha
3 colheres (sopa) de creme de leite

Refogue no azeite os temperos caseiros ou cebola e alho. Junte o frango desfiado, o molho de tomate, palmito e os demais ingredientes (caldo de galinha, tempero baiano, orégano). Refogue bem. Junte um pouco do caldo do cozimento e vá refogando. Acrescente a farinha de trigo diluída e engrosse o refogado. Junte a couve e cheiro verde e misture bem e deixe esfriar. Após coloque o creme de leite e mexa bem.
Pré-aqueça o forno. Unte a forma, distribua mais da metade da massa e espalhe o recheio. Cubra com o restante da massa e leve ao forno até dourar e que esteja assada. Espete um palitinho e este sair limpo já é hora de tirar do forno. 

5 comentários:

Comida de conforto disse...

Que aspecto delicioso, adoro essas tartes...
Beijinhos

Cacau disse...

Que delicia, amei seu blog e já estou seguindo. BJS
http://cacau-aquiemcasa.blogspot.com.br/

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Tânia.
Amei a sua receita,parece
delicioso.
Beijos

Claudia G. disse...

oi Tânia, estou retribuindo a visitinha :)
Vai lá no meu blog, que respondi para você ao seu comentário no post da matrioska.
Bjos portugueses ;)

Aninha Albuquerque disse...

Oi Tânia, tudo bom? Como prometido vim fazer uma visitinha! Achei bacanérrima essa torta, guria!! Vou fazer e depois volto pra te contar :) Amei seu blog também! Beijinhos e até já!!