Páginas

terça-feira, 31 de outubro de 2017

AMOR ETERNO

Bom dia!!

Durante este período que fiquei afastada do blog foi para cuidar da minha mãe, que passou por cirurgia, tendo ainda uma jornada de três vezes na semana que dialisar e conciliado as fisioterapias.
Tinha dia que minha vontade era de chutar o balde de tão exausto que era, estive firme e honrei sempre ela.

Infelizmente no último dia 28/10 ela veio a falecer. Sei que agora esta descansando, não tem mais dor. Ela foi uma guerreira, suportou durante toda a vida dela muitas aflições e que agora já não as tem mais.
Não me arrependo de ter ficado afastada do meu trabalho, de ter me doado a ela durante este período, só me aproximei mais dela, mas não queria que ela tivesse ido embora de vez.

Mãezinha sempre te amarei e sei que você esta bem e com Deus. Agora descanse em paz.

27 comentários:

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Lamento imenso a enorme perda que a minha amiga teve.
Os meus sinceros pesamos.
Dentro do possível uma boa semana.

Andarilhar
Dedais de Francisco e Idalisa
O prazer dos livros

Cidália Ferreira disse...

Ficou com a sua missão cumprida

Meus sinceros pêsames
Paz à sua Alma

Agora, força para ultrapassar essa dor.


Beijo e um dia feliz.

Poções de Arte disse...

Sinto muito por sua perda.
Como disse, estar por perto, auxiliando, amando e fazendo tudo que está ao nosso alcance, é o melhor que podemos fazer.
Que Deus console seu coração e te dê forças para continuar, mesmo com a saudade apertando. Que sua mãe possa estar nos braços de Deus agora.
Fique com Deus.

A foto é linda!

Abraços esmagadores.

Maria de Fátima disse...

Que Deus conforte seu coração e de todos que conviveram com ela. Você fez a sua parte, agora ficará só a saudade. Bjs

Os olhares da Gracinha! disse...

Sei bem o que se sente pois a mãe partiu em dezembro de 2014 e o pais em setembro de 2016!!!
Ela estará num belo lugar!!!bj

piteis da dinha disse...

Oi amiga, sinto muito!
Que Deus conforte seu coraçãozinho pois com toda certeza sua mãe está e estará sempre n/cantinho dele.
Bjsssss

Teresinha disse...

Tânia,
envio-te os meus sentidos pêsames.
As mães deviam ser eternas!
Beijinhos num abraço muito sentido

Pedro Coimbra disse...

Os meus pêsames pela partida da sua amada mãe.

Paty Domingues disse...

Meus sentimentos, amiga! Que Deus te dê o conforto necessário!

Fica em paz!

As Receitas da Mãe Galinha disse...

Os meus sentimentos Tânia, que Deus te conforte nesse momento de dor.
Joana

Guaraciaba Perides disse...

Meus pêsames...tenha certeza e fé que Deus a mantem no seu descanso em paz.O seu consolo é ter feito o seu melhor e a sua recompensa e estar em paz interior... a mãe estará sempre presente em sua alma e sua lembrança.
Um abraço

Toninho disse...

Meus sentimentos amiga, uma dor incômoda esta perda.
Uma lembrança eterna, que bom que você pode dar a ela toda atenção
neste momentos finais neste plano.
Agora priorize as boas lembranças e segue a vida que te espera.
Meu terno abraço amiga.

Tania López disse...

Meus sentimentos para você, Tânia. Sei muito bem que cuidar da mãe é gratificante mas muito agotador, tem momentos que a gente fica esgotada. Há muitos anos que estou nessa luta, mas sei que quando ela falte a dor será grande...
Um abraço muito sentido.

Ana Freire disse...

Fiquei de coração partido, agora que li seu post, Tânia!...
Ainda não tinha tido oportunidade de passar por aqui...
E eu pensando, que o pior já tinha passado... e que sua mãe já estaria a recuperar com a fisioterapia...
Lamento imenso, Tânia! Fez tudo o que podia, e felizmente pôde dar-lhe mais assistência nestes últimos tempos! Não se lhe poderia exigir mais!
Um beijinho, e um abraço super apertado, neste momento tão difícil!
Força!
Ana

Gracita disse...

Lamento profundamente a sua dor pela partida de sua mãezinha amada
Mas saiba Tânia que ela agora repousa sem as dores nos braços de Deus e de lá ela te abençoa e te acarinha minha amiga
Força minha querida
Beijos e um terno abraço

Graça Pires disse...

A perda de uma mãe é uma dor irremediável... Sinto muito a sua dor. Foi bonita a sua coragem.
Uma boa semana.
Beijos.

Zulmira Romariz disse...

TÂNIA, LAMENTO MUITO, MAS COMO DIZ, SUA MÃE ESTÁ DESCANSANDO, E TEVE UMA FILHA ADORÁVEL,
BJS AMIGA

Gegê disse...

Meus sentimentos Tânia
e que Deus lhe conforte o coração
Um abraço

Maristela Guilherme disse...

Meus sentimentos.
Um abraço carinhoso.
bjs

Rui Pires - Olhar d'Ouro disse...

O melhor que podemos dar é em vida!
Lamento essa perda Tânia!
Solidário com essa tua dor, deixo meu abraço!

Maria Emilia B. Teixeira disse...

Meus sentimentos...Força e fé. Bjs.

Ana Freire disse...

Passando, só para deixar um beijinho...
Ana

Mirtes Stolze. disse...

Querida Tânia
Meus sentimentos. Eu nós últimos tempo pouco entrava no virtual e quando assim fazia era para postar e retribuir aos comentários. Só hoje com uma pequena férias eu pude visitar meus amigos virtuais. Fiquei muito sentida por não ter visto a sua perda. De coração eu lhe peço desculpas. Pois sei que é nessas horas que mas precisamos de carinho. Deixo os meus sinceros sentimentos pela sua difícil perda. Oro a Deus que lhe conforte cada vez mas. Um grande abraço fraterno.

Felipe Medeiros Oficial disse...

Oi, tudo bem? Meu nome é Felipe Medeiros, trabalho com voz e violão e banda para festa no Rio de Janeiro - RJ, se puder me ajudar, entra no meu blog e curte a minha página no Facebook! Um grande abraço, muito obrigado!
https://cantorfelipemedeiros.blogspot.com.br

Manuel Luis disse...

Deste o teu melhor enquanto esteve ao teu lado, cumpriste bem a tua boa vontade.
Quando quiseres saber coisas deste Pais, entra em contacto comigo.
Regressei ao Sul.
Bjs

Toninho disse...

Oi amiga, hoje estive pelo blog da Maria
e lhe vi num comentário, resolvi vir lhe ver e saber das novidades.
Espero que esteja consolada quando da ultima vez que aqui estive.
Uma saudade para sempre, mas viva as boas lembranças e volte
para esta grande família da blogosfera.

Abraços

Portuguesinha disse...

A melhor benção que se pode ter é saber que alguém partiu e não sentir arrependimento, sentir que estivemos lá para eles quando precisaram e que eles sabiam isso. Custa, é uma nova vida sem a vida de outra pessoa... mas ficam as boas memórias e o amor.

Abraço